JORNADAS DE CIÊNCIAS ANIMAIS 27 DE FEVEREIRO 2018

Enquadramento e objetivos

O lugar e a importância dos animais na sociedade sofreu uma evolução positiva ao longo dos últimos anos. Os animais de companhia, os animais exóticos, e em alguns casos especiais, os próprios animais de produção, são considerados como uma parte da família. Neste sentido, e para acompanhar uma sociedade cada vez mais exigente, no que se refere aos cuidados veterinários prestados aos animais, a ESA-IPVC criou o curso de Enfermagem Veterinária no ano letivo de 2006/2007. A evolução do curso tem sido extremamente positiva, com melhorias e inovações contantes ao nível das infraestruturas, e através da promoção de mestrados, cursos e seminários que visam a formação dos nossos jovens, no sentido de prestarem os melhores e mais atualizados cuidados de saúde aos nossos animais. O objetivo final é a formação politécnica e profissionalizante, que confira as competências mínimas exigíveis de qualificação e treino para o exercício de tarefas no âmbito das ciências e técnicas de saúde veterinária, nas suas múltiplas valências, nomeadamente as de índole clínica e cirúrgica, sanidade e medicina preventiva de populações animais, higiene dos alimentos e saúde pública.

A I&D+i e o ensino de pré-graduação (CTESP de Cuidados Veterinários), de licenciatura  (Enfermagem Veterinária) e de mestrado  (Zootecnia) na ESA-IPVC acompanham os avanços técnico-científicos, e as necessidades dos estudantes e da sociedade.

No âmbito da 2ª Semana das Ciências da Terra e da Vida, nomeadamente nas 2ªs Jornadas de Ciências Animais, pretende-se:

  1. Apresentar e discutir temas atuais que abrangem as diferentes áreas da Veterinária e da Produção Animal, nomeadamente os animais de companhia, animais exóticos, espécies pecuárias, e a área de qualidade e segurança alimentar, por individualidades de reconhecido mérito académico e profissional;
  2. Apresentar os trabalhos finais dos nossos alunos, reconhecendo deste modo o seu mérito e esforço pessoal.

Estas Jornadas têm o objetivo de complementar as áreas de ensino desenvolvidas na ESA-IPVC na área da Enfermagem Veterinária, possibilitando desta forma aos alunos e docentes uma visão mais atualizada desta área. Além disso, têm o intuito de aumentar o interesse, as expectativas e os objetivos profissionais dos nossos alunos.

 

Comissão organizadora

Filipa Bernardino, Teresa Mateus, José Pedro Araújo, Joaquim Cerqueira.

 

Moderadores:

PROGRAMA

9h00 – Receção dos participantes

9h20 – Projeto Quintal Holístico, Dr. Luís Filipe Gandra

10h00 – Técnicas de fisioterapia e reabilitação de equinos, Dr.ª Carolina Nascimento

10h40 – Debate

11h00 – Intervalo

11h20 – Produção de frangos de carne e problemas associados, Doutor Jorge Oliveira

12h00 –  Ferramentas essenciais para ter um cão feliz, Dr.ª Mónica Roriz

12h40 – Debate

13h00 – Encerramento

 

Informação sobre os oradores convidados:

Dr. º Luís Filipe Gandra

Licenciado em Gestão Agrícola pela Escola profissional de Ponte de Lima (2006), Mestre em Medicina Veterinária na Universidade de Évora (2013), Mestrando no Mestrado em Agricultura Biológica na ESA/IPVC. Ao longo do percurso de formação trabalhou em algumas empresas agropecuárias, realizando vários estágios em clínica médica e cirúrgica, e em reprodução de animais de produção. Iniciou a atividade como Médico Veterinário na Anavet – Serviços veterinários Lda, prestando assistência veterinária em explorações agropecuárias. Desde 2015 presta assistência veterinária em explorações agropecuárias e em animais de companhia e desenvolve atividades na área de investigação de parasitologia em caprinos. Em 2016 iniciou o projeto Quintal Holístico, que consiste na utilização de caprinos como forma de redução de combustível florestal e consequente prevenção de incêndios rurais. No ano letivo 2016/2017 exerceu atividade de docência como assistente convidado na ESA/IPVC. Participou em diversas formações técnico-científicas desde produção e saúde animal, empreendedorismo, gestão e desenvolvimento pessoal.

Dr.ª Carolina Nascimento

Mestre em Medicina Veterinária pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias em 2015. Iniciou a sua atividade no centro de reabilitação equino – Hidrovet -, onde exerce ainda atualmente. Realizou vários estágios internacionais, nomeadamente em centros de reabilitação em Inglaterra. Foi assistente em formações de aplicação básica de bandas neuromusculares em equinos (Hidrovet Centro de Reabilitação Equina em colaboração com Aneid) e também assistente na formação “Reabilitação em cavalos de Desporto” no Programa Horizonte Veterinário da Universidade Lusófona (Universidade Lusófona de Humanidades e tecnologias- FMV em colaboração com Hidrovet). Fez parte da organização e participou como assistente de formador no “1º Congresso de Reabilitação em Equinos” (Hidrovet com a colaboração da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias FMV). Em setembro de 2016 começou a frequentar a licenciatura em fisioterapia humana na Escola Superior de Fisioterapia de Alcoitão e em 2017 conclui a especialização em fisioterapia e reabilitação equina no Instituto das Especialidades de saúde de Madrid (IACES).

Doutor Jorge Oliveira

Licenciado em Engenharia Zootécnica, Mestre em Produção Animal e Doutorado em Ciência Animal pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. É Professor Adjunto da Escola Superior Agrária de Viseu do Instituto Politécnico de Viseu, onde é Diretor do Curso de 1.º Ciclo de Ciência e Tecnologia Animal e leciona disciplinas relacionadas com o melhoramento animal e produção de coelhos e aves. Desenvolve investigação em produção animal e outras áreas das biociências.

Dr.ª Mónica Roriz

Licenciada em Medicina Veterinária pelo Instituto Biomédicas Abel Salazar (I.C.B.A.S.) em 2001. Diplomada pelas Escolas Nacionais Veterinárias Francesas em comportamento animal desde 2008. Doutoranda em ciências veterinárias, em comportamento animal, no ICBAS. Foi Docente da cadeira de comportamento e bem-estar animal na Escola Universitária Vasco da Gama (E.U.V.G.). Membro fundadora do GEE (Grupo de Estudo de Etologia). Responsável pelas consultas de comportamento animal em vários Centros atendimento veterinário na região Norte. Trabalha, desde 2005, junto da ÂNIMAS na formação do primeiro curso em Portugal, destinado à formação de duplas, cão e voluntário, que pretendam desenvolver atividades assistidas por animais. Participação em várias ações de formação e palestras nacionais como oradora.